Centro de sustentabilidade real El Nagual

Pare! Momento de reflexão, renovação, motivação, aprendizado e troca

El Nagual (Santo Aleixo, RJ)

Pare! Momento de reflexão, renovação, motivação, aprendizado e troca. Agora se mexa, no El Nagual é impossível ficar parado.
Lugar de muita energia, onde todo o trabalho se direciona para um desenvolvimento sustentável verdadeiro, sem desperdício, sem gerar excessos, consumindo o mínimo de fora, aproveitando todos os recursos de dentro. É hora de aprender a fechar os ciclos… o ciclo da água, o ciclo da terra, o ciclo do alimento, o ciclo interior de cada pessoa.

DSC_4317
E por falar em ciclo, Multiplica! chegou num momento de novo ciclo. Encontramos um El Nagual tranquilo de movimentações físicas, calmo de movimentação humana e bem otimista de projetos e idéias novas (isso sempre!)

Eraldo, para quem não conhece, o anfitrião enérgico e bem humorado, como sempre nos recebe com lindo sorriso e sua deliciosa pizza-pão. Mariana, anfitriã-artista-alma-criativa infelizmente estava de passeio em sua terra natal e não pudemos vê-la. Nestes poucos dias que estivemos não haviam voluntários e passamos bom tempo conversando com Eraldo sobre suas futuras iniciativas de integração e reflorestamento na região da Mata Atlântica do distrito de Magé, RJ, assim como a importância das sementes crioulas e da valorização dos povos indígenas.

DSC02304
Poucas pessoas num lugar onde gera abundância de recursos naturais significa muito trabalho de manutenção da terra e das plantas, assim que não demorou muito e Eraldo nos delgou a missão de recuperar canteiros da grande horta e semear o máximo possível. Sem problemas, já que viemos para isso. Também colhemos sementes de quiabo e almeirão, e plantamos mudas que recebemos do guardião Cirilo do Quilombo Picinguaba.

DSC_3709
Nossa passagem pelo El Nagual foi rápida e deixamos ali várias sementes plantadas em 4 berços de abundância que serão o futuro alimento dos próximos colaboradores do lugar. E assim o ciclo re-re-renova mais uma vez… como diz Mariana:
“Você come de quem plantou e planta para quem vai chegar.”

E a caravana segue com muita energia e novas sementes para espalhar…

Deixar uma resposta